Espécie oriunda, como o próprio nome o indica, do Peru, podendo ser encontrado também em outros países da América do Sul. É encontrada em florestas nebulosas a altitudes entre os 400 e os 900 m a crescer nas árvores e em troncos caídos.
Esta planta, a minha primeira deste género, foi comprada em Março na Exposição da A.P.O. no Porto. Está a ser cultivada dentro da estufa e o novo pseudobolbo cresceu bem desenvolvendo depois esta haste floral de flores masculinas. Na altura do crescimento foi regada com abundância e fertilizada com Akerne Rain Mix.
No final do Verão as folhas irão cair e a planta entrará em dormência até ao final do Inverno. Para o ano vou dar-lhe mais luz de modo a tentar que dê flores femininas.