“Sinto que evoluimos. – diz uma das jardineiras por necessidade. – Estamos a descobrir o que tinhamos perdido.”

Muitas vezes, Kate Maloney fica acordada a noite a pensar no que acontecerá quando o subsídio de desemprego terminar. No entanto nunca se preocupa com a falta de comida na mesa. O seu marido, Maloney, que está actualmente desempregado, e quatro amigos terão, quando chegar o Verão, uma grande quantidade de produtos orgânicos, entre eles vegetais, frutas e ervas aromáticas. Tudo isto cultivado por eles em hortas urbanas e vasos na varando do seu segundo andar.Este ano, o projecto da horta aumentou a sua importância quando três dos seis jardineiros foram dispensados dos seus empregos.
– O que fazer? – Diz Maloney – Criamos uma horta.Estes jardins urbanos, em grande actividade para a estação, expressam a atitude do grupo sobre o ambiente, o empenho na saúde e a amizade.- Nada melhor do que mexer na terra para unir as pessoas. – Diz um membro do grupo, Barbara Mann.

(continuar a ler)